Troca de líderes no Apertura Chileno

U. Católica vence mais uma e se torna líder isolada do campeonato
Troca de líderes no Apertura Chileno

Inesperadamente, o Apertura Chileno tem troca na liderança da competição. Isso porque, jogando dentro de casa, a U. de Chile perdeu o clássico para o Colo-Colo. A Católica, por outro lado, ganhou fora dos seus gramados e assume a ponta. Além disso, a disputa é intensa também para quem se classifica para próxima Libertadores e Copa Sul-Americana. Confira o que aconteceu de melhor nesta rodada.

Apertura Chileno – 9ª rodada

13/04 – Sexta-feira

U. La Calera 1-3 U. de Concepción

A U. de Concepción conseguiu algo inédito até aqui: o terceiro lugar do Apertura Chileno. A equipe venceu bem fora de casa e contou com a combinação de resultados para subir na classificação. No fim do primeiro tempo, em cruzamento pela direita, o atacante Jean Meneses acertou belo cabeceio, abrindo o placar. Mesmo estando com a vantagem a equipe visitante não deixou de atacar. Na etapa complementar, Jean Pineda ampliou. O La Calera diminuiu com Gonzalo Aban e colocou um tempero na partida. Chegando ao fim do jogo, porém, a Concecpción acertou belo contra-ataque e Luis Riveros fechou o caixão.

Contudo, o La Calera encerrou a sequência de duas vitórias seguidas e caiu para oitava posição. O Concepción, por outro lado,venceu as últimas cinco partidas e já começa a incomodar o pelotão da frente.

14/04 – Sábado

Palestino 2-1 Everton

No Estádio Municipal de La Cistema, em Santiago, uma partida bastante movimentada. O Palestino, que não sabia o que era vencer nos quatro últimos jogos, se deu bem diante de sua torcida. Logo aos quatro minutos, em cobrança de escanteio, o zagueiro Benjamin Vidal encontrou o caminho da glória. O meia Santiago Lizana aumentou aos 39 minutos de jogo. Por fim, ainda no primeiro tempo, o Everton descontou com Patricio Rubio.

Após início devastador, os times não tiveram bom rendimento na segunda etapa. Com a vitória, o Everton ficou com 12 pontos e subiu para o décimo lugar. Já o Everton, por outro lado, está na zona de rebaixamento.

O ‘Higgins 0-1 U. Católica

A Católica fez o necessário para vencer e, além disso, reencontrar a liderança do Apertura Chileno. Aos oito minutos, o árbitro Francisco Gilabert marcou um pênalti duvidoso para os Los Cruzados. Após muita reclamação do time da casa, o meia Luciano Aued fez a cobrança com perfeição, abrindo o marcador. O placar decretou a derrota do O ‘Higgins, que não conseguir impor seu ritmo durante os 90 minutos.

Contudo, a líder isolada é a UC que agora tem 24 pontos. Enquanto isso, a La U tem 21.

Torcedores da Católica vão a Rancágua acompanhar a vitória do seu time
Torcedores da Católica vão a Rancágua acompanhar a vitória do seu time / Foto reprodução

Huachipato 0-0 Dep. Temuco

Embora estar zerado, o placar não reflete o que foi o jogo entre Huachipato e Temuco. Ambos os times tiveram oportunidades. O Huachipato perdeu a oportunidade de encostar na U. de Chile, adversária direta por uma vaga na Libertadores. Depois de dois empates seguidos, o time caiu de terceirou para quinto lugar na tabela.

Para o Temuco, porém, a igualdade não foi tão ruim. Isso porque o time saiu da lanterna da competição e, além disso, está fora da zona de rebaixamento.

Curicó Unido 3-4 Antofagasta

A partida com mais gols na rodada terminou melhor para o Antofagasta. No primeiro tempo, o Curicó Unido foi pra cima e marcou três vezes em menos de 20 minutos. Ainda na etapa inicial, o Antofagasta diminuiu, mas tudo se encaminhava para vitória do seu adversário.

No segundo tempo o time da casa, com um a menos por conta da expulsão do volante Sebastian Zuniga, sofreu um apagão. Aos 13 minutos, o venezuelano Eduard Bello marcou seu primeiro gol na partida. Faltando quatro para acabar, Bello fez mais um empatando a partida. Para o desespero dos torcedores da casa, Jason Flores virou inesperadamente a partida. Nos acréscimos, ainda deu tempo do zagueiro do Curicó Unido ser expulso, acabando de vez com qualquer possibilidade de reação.

15/04 – Domingo

U. de Chile 1-3 Colo-Colo

Na partida mais esperada da rodada, a La U perdeu a liderança do Campeonato Chileno. Isso porque o Colo-Colo não sentiu a pressão do estádio cheio e fez sua melhor partida do torneio até aqui. O conhecido atacante Pinilla fez para La U já aos 6 minutos de partida. Porém, Estebán Paredes, minutos antes de descer para o intervalo, marcou seu primeiro gol na partida. A etapa inicial acabou com 7 cartões amarelos distribuídos.

O empate não servia para La U, pois jogou sabendo do triunfo da sua rival Católica. Sair com um ponto do Estádio Nacional também não era bom negócio ao El Cacique. Por isso, logo no início, Paredes fez mais um. Desesperada atrás da igualdade, os Azules foram à frente e deixaram espaço para Cláudio Baeza por fim na partida.

Atualmente, o Colo-Colo encosta nos três primeiros e vira concorrente direto por vaga na próxima Libertadores. O U. de Chile é vice-líder da competição.

Colo-Colo não falha em clássicos
Colo-Colo não falha em clássicos / Foto: Carlos Succo

Dep. Iquique 0-1 U. Española

O Iquique perdeu o embalo diante da U. Española. Após vencer por 4 a 0 o Temuco, na última rodada, mostrando poder de reação, a equipe não segurou seu oponente e perdeu mais uma em casa. O Zagueiro Ramiro Gonzalez fez seu primeiro gol no campeonato e foi o bastante para a U. Española saiu com três pontos muito importantes para ela neste momento.

A. Italiano 1-1 San Luis

O Audax Italiano até que tentou vencer uma depois de tanto tempo, mas não deu certo. Ta etapa complementar, Fabian Torres fez aos oito minutos. Porém, logo depois, o atacante paraguaio Mauro Caballero igualou a partida. Atualmente, o Audax é o lanterna do Apertura Chileno.

Classificação

Most recent football info here. In the process of fetching stats from soccer data source.

Comments

comments

Sérgio Vitor
Sérgio Vitor
Sergio Vitor Guerra, 20 anos, perdidamente apaixonado pela área de jornalismo, cujo está cursando o 3° ano. Gosta de pesquisar tudo que envolve futebol e, principalmente, analisar os fatos minuciosos de partidas antigas e atuais. Até nos sonhos, o jogo entre as quatro linhas é a principal pauta.

    Artigos Relacionados

    Deixe uma resposta

    Topo